segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

ITABUNA: FICC lança editais para seleção de patrocinadores no carnaval 2018


A Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC) lançou dois editais para processo seletivo de patrocinador exclusivo no carnaval 2018. O evento está marcado para ocorrer no período de 18 a 21 de janeiro, na Avenida Aziz Maron e Mário Padre. O primeiro Edital de Chamamento Público é para a contratação de empresa exclusiva no segmento bebidas: cervejas e refrigerantes. As empresas interessadas em participar deverão comparecer na sede da FICC, localizada na Praça Laura Conceição, 339 – Centro/Itabuna, no dia 12 de dezembro de 2017, às 9h. Os envelopes com a documentação e propostas deverão ser entregues na sala da Comissão Permanecente de Licitação, onde será escolhida a empresa que apresentar melhor lance, com valor mínimo de R$ 100 mil reais, para se tornar exclusiva a fornecer bebidas e refrigerantes no circuito do carnaval. Já o Processo Seletivo para patrocinador em outros segmentos, exceto bebidas, será realizado no dia 20 de dezembro, também da sede da FICC. A sessão pública está prevista para começar às 9 horas. Mais informações através dos emails:ficclicita@gmail.com e licitaficc@gmail.com e pelo telefone (73) 3613-4915.

ITABUNA: Comissão veta proposta de empresas e analisa pedido de aumento de tarifa



O prefeito de Itabuna, Fernando Gomes nomeou uma comissão para analisar e discutir os impactos do reajuste tarifário solicitado pelas empresas de ônibus que realizam transporte coletivo no município. Em reunião realizada no Centro Administrativo Firmino Alves, a comissão produziu e encaminhou ao prefeito um relatório com observações que devem condicionar a possibilidade de eventual reajuste sugerido de 5,28%, passando a tarifa de R$ 2,85 para R$ 3,00. A decisão final cabe ao prefeito que pode acatar ou vetar a proposta do documento.
O secretário de Segurança, Transporte e Trânsito, Cláudio Dourado enfatizou que o posicionamento do governo é em defesa da população e que por esse motivo considera imprescindível a realização de um amplo debate que aprecie, sobretudo, o difícil cenário econômico enfrentado pela população. Segundo ele, os critérios para o reajuste devem seguir parâmetros diretamente relacionados com a economia de modo a não lesar o usuário.
A superintendente da Agência Reguladora de Serviços Públicos de Itabuna (Arsepi), Carolina Badaró informou que a comissão fez uma análise do contrato do município com as empresas e constatou que existem contrapartidas a serem cumpridas por parte das companhias. Para ela, antes de se falar em reajuste, é preciso que se cumpra o contrato a rigor que estabelece uma série de cláusulas.
Ao realizar uma política de fiscalização intensa do serviço de transporte coletivo, o governo municipal tem buscado garantir que itens do contrato com as empresas de ônibus sejam cumpridos e a população possa se beneficiar com melhores condições no transporte coletivo municipal.
O relatório da comissão descarta também a proposta das empresas que pleiteavam um reajuste de 26,03%, o que passaria a tarifa para R$ 3,50, onerando pesadamente aos usuários do serviço, além de impactar a economia da cidade, visto que abrange diversos segmentos da população, além do mais o valor da tarifa já havia sido corrigido ano passado para realização do processo licitatório da concessão do serviço em novembro de 2016.

sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

ITABUNA: 1ª AULA DA ESPECIALIZAÇÃO EM SAÚDE ESCOLAR ACONTECE NESSA SEXTA

31 alunos foram selecionados para compor a primeira turma de Saúde Escolar da UESC - Foto Eric Souza

O auditório da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Itabuna foi palco-cenário, nesta sexta-feira (08) da Aula Inaugural do Curso de Especialização em Saúde Escolar da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). O curso, resultado direto de uma parceria estabelecida entre a universidade, através do Núcleo Jovem Bom de Vida e a Prefeitura de Itabuna, através das Secretarias de Saúde e Educação, contempla 38 discentes aprovados em processo seletivo regido pela própria UESC. A maior parte desse quadro é composta por servidores públicos de Itabuna.

“O início das aulas pontua uma das ações mais importantes da área de Saúde Pública em Itabuna, que é um curso de pós-graduação, construído em parceria, capaz de trazer profissionais de duas áreas importantes para aguçarem os seus olhares para a atenção básica, para a prevenção”, disse Michele Menezes, coordenadora administrativa do Departamento de Atenção Básica da Secretaria Municipal de Saúde, que representou a secretária municipal, Lísias Miranda São Mateus.

O prefeito Fernando Gomes esteve representado pela secretária da Educação, professora Anorina Smith Lima e a reitora da UESC, professora Adélia Maria Carvalho de Melo Pinheiro, esteve representada pelo pró-reitor de Extensão, o professor Alessandro Fernandes Santana.

Na oportunidade, a professora Anorina Smith pontuou algumas situações sob as quais a ação de um profissional especializado em Saúde Escolar será bastante incisiva: “Temos duas situações no ambiente de aula, na rede municipal de ensino, que são bastante peculiares, e eu tenho a certeza de que essas situações serão debeladas a partir de um olhar científico por parte dos discentes desse curso, que são a questão da Educação Inclusiva, pois queremos que o próprio sistema público de Saúde esteja efetivamente presente no ambiente escolar, interferindo e orientando a qualidade de ensino entre os estudantes que possuem especificidades; e o outro ponto é a questão da violência nas escolas, que tem interferido diretamente nos planejamentos, nas aulas e na própria ordenação da rede”, disse a secretária, indicando que Itabuna possui atualmente cerca de mil alunos com algum tipo de deficiência e somente 450 estudantes com um diagnóstico traçado por equipes médicas.

Para o professor Alessandro Fernandes, o grande ganho desta parceria conduz-se justamente a partir do chamamento de profissionais para um curso de especialização cujo resultado final será a elaboração de dezenas de propostas de intervenção, soluções concretas para problemas que atingem diretamente os espaços escolares, a saúde dos educandos e o dia-a-dia das famílias. “A universidade só serve se for para servir. Por isso, nós destacamos aqui um trabalho em rede, um curso preocupado com as questões da saúde na escola e o convite, desde já, para que os novos estudantes de pós-graduação desenvolvam artigos e monografias que versem sobre problemas e soluções”, disse. O pró-reitor destacou ainda o fato do curso de Especialização em Saúde Escolar estar sendo realizado numa universidade que, hoje, já é reconhecida pelo Ministério da Educação como a segunda melhor do Estado da Bahia.

As aulas do novo curso acontecerão sempre em Itabuna, com encontros presenciais uma vez por mês. A expectativa dos coordenadores é a de que esta seja a primeira de muitas turmas; a própria UESC já sinaliza que a qualidade das pesquisas determinará a chegada de um Mestrado na área de Saúde Escolar. Com informações da Assessoria de Comunicação – SMS Itabuna.

PARTICIPAÇÃO DE CANTORA EM INAUGURAÇÃO DE HOSPITAL CUSTOU R$ 130 MIL AOS COFRES DO GOVERNO

jc2

A participação da cantora Solange Almeida na inauguração do Hospital da Chapada, na cidade de Seabra, na semana passada custou R$130 mil aos cofres-públicos baianos. O cachê foi pago pela Bahiatursa. Segundo informações da coluna Satélite, do Correio, essa foi a terceira grande atração paga pelo órgão para solenidades com o governador Rui Costa (PT).

quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

Acusado de matar adolescente em Itabuna é preso em Ubatã


Nilton Rosa de Sousa, acusado de ser o autor do homicídio contra Jandilson Almeida, de 17 anos, foi preso na manhã desta quarta-feira (6) na cidade de Ubatã. 

Nilton é acusado de matar Jandilson com golpes de faca no dia 16 de novembro deste ano, no bairro Maria Pinheiro, em Itabuna, após um desentendimento com a vítima.

Segundo informações, Jandilson se encontrava na casa de uma vizinha, quando ouviu Nilton proferir palavras de baixo calão contra sua mãe e uma vizinha,no momento em que o adolescente se dirigiu à casa de Nilton pedindo que o mesmo parasse de xingar sua mãe, o autor desferiu golpes de arma tipo peixeira contra Jandilson e em seguida fugiu.

Vendedor de leite fica de joelhos antes de ser assassinado na zona rural em Itabuna



Um homicídio foi registrado na manhã desta quinta-feira (7), por volta das 7:30, na zona rural do bairro Vale do Sol, em uma localidade conhecida como “antiga fazenda de Esmeraldo”, atual Fazenda Chocolate, em Itabuna.

A vítima foi identificada como Raimundo Nascimento, de 64 anos, que trabalhava como vendedor de leite. Raimundo era conhecido também como “Didiu do leite”.

De acordo com informações, a vítima era uma pessoa de bem, muito querida e conhecida na localidade. 

Segundo informações, todas as manhãs “Didiu do Leite” levava leite da fazenda para outro local. Nesta manhã, ele estava transportando leite em cima de um cavalo, acompanhado de outra pessoa, quando foi abordado pelos criminosos.

Ainda de acordo com informações, dois homens já estavam à espera da vítima. Quando o vendedor de leite se aproximou, os criminosos mandaram que Didiu e o outro colega descessem do cavalo e ajoelhassem. A outra pessoa em seguida foi liberada pelos criminosos. Já Didiu foi morto com pelo menos 8 tiros na região da cabeça, costas e ombro.

Ainda segundo informações, a vítima não tinha envolvimento no mundo do crime, mas estava se relacionando com uma mulher de aproximadamente 30 anos, ex-mulher de um detento do Conjunto Penal de Itabuna. Ainda de acordo com informações, Raimundo tinha uma filha de 1 ano e meio com essa mulher.

O local onde a vítima foi morta era de difícil acesso. Cerca de aproximadamente 4km de distância de onde ele trabalhava até onde deixava o leite. 

O corpo de Didiu foi removido pelo Departamento de Polícia Técnica. A motivação do crime é desconhecida. A Polícia Civil vai investigar o caso.

Esse é o 3° homicídio do mês de dezembro, o 112 deste ano.

FONTE: VERDINHO ITABUNA

domingo, 3 de dezembro de 2017

Mais de 1.500 pessoas participaram da caminhada do dezembro vermelho em Itabuna


Pouco mais de 1.500 pessoas participaram, nesta sexta-feira (1º) da Caminhada do Dezembro Vermelho, promovida pela Prefeitura de Itabuna, através da Secretaria Municipal de Saúde. A caminhada abre oficialmente a programação de atividades a serem desenvolvidas ao longo do mês com o intuito de prevenir e rastrear possíveis incidências de infecções sexualmente transmissíveis (IST’s), HIV-Aids e hepatites virais. A quantidade de participantes, estimada, foi divulgada ao final do evento pelos organizadores.

O coordenador do Centro de Referência, Prevenção, Assistência e Tratamento (CERPAT) disse que a caminhada chama a atenção para questões importantes como o uso de preservativos em todos os tipos de práticas sexuais e, principalmente, para o aumento crescente de casos de aids. “Para vocês terem uma ideia, em todo o mundo, a cada 17 segundos, uma pessoa é infectada pelo vírus HIV. Isso é uma epidemia, e precisamos cuidar das pessoas. Hoje, é importante dizer que não existem mais pessoas em grupos de risco. Quaisquer indivíduos que mantêm relações sexuais de quaisquer gêneros podem ser acometidos por alguma IST”, disse o coordenador.
Para a secretária municipal de Saúde, a caminhada cumpriu com o seu objetivo de chamar a atenção das pessoas. “Tivemos uma semana especial, porque, apesar da campanha estar sendo iniciada oficialmente nesta sexta-feira, conseguimos adentrar espaços na mídia, nos sites, nos blogs, nos jornais e nas emissoras de rádio e TV, para levarmos informações importantes sobre prevenção de HIV-Aids e IST’s”, disse a secretária, apontando o apoio irrefutável dos clubes de serviços, organizações não governamentais (ONG’s), associações, organizações da sociedade civil, entre as as quais o Conselho Municipal de Saúde.

Nos próximos dias e até o final do mês, a campanha será estendida para praças, empresas, para as unidades básicas e de saúde da família e escolas. Todo o trabalho realizado concentrará ações de prevenção (conversas, bate-papos, seminários, acolhimento, aconselhamento, distribuição de preservativos masculinos e femininos e de gel lubrificante), além das ações de rastreamento (testagens rápidas, diagnóstico, encaminhamentos para tratamentos, quando estes foram relatados como necessários). Todos os trabalhos envolvem o CERPAT, que é o principal equipamento de saúde no município na missão de atender as pessoas nos cuidados relacionados às questões de comportamentos sexuais.
O CERPAT está localizado na Avenida Amélia Amado, Centro (próximo à academia Health Club e à sede da Ação Fraternal de Itabuna – AFI). “O atendimento acontece por demanda expontânea, ou s seja, quaisquer pessoas podem ser atendidas diretamente no Centro sem precisar passar pela sua unidade de referência ou pela Central de Regulação. 

Basta ir lá, que estaremos sempre de portas abertas”, ratificou Lucas Santana, lembrando que, para o atendimento, é importante que os clientes estejam portando a cédula de identidade, o cartão do SUS e um comprovante de residência. O CERPAT atende à população de Itabuna e de mais 22 municípios pactuados.

Por: Eric Thadeu Nascimento Souza (texto e fotos).